Search

Card colorido com foto de mulher branca de cabelos castanhos, cacheados e médios. Veste camiseta bufante verde, saia longa xadrez em azul amarelo e vermelho, meia-calça vermelha e salto alto preto. Texto: Mostra vá e veja - retrospectiva de 2022, Ilusões perdidas, de Xavier Giannoli. 2, 3, 5 e 8 de fevereiro às 20 horas e 15 minutos; 4 e 7 de fevereiro às 20 horas e 30 minutos. Classificação indicativa 12 anos.

Uma das grandes novidades entre 2 e 8 de fevereiro é a exibição de Ilusões Perdidas, transposição para o cinema de um dos clássicos do escritor Honoré de Balzac. A mais extensa obra do autor, é a tentativa de Balzac de escrever uma série de romances, novelas e contos que retratasse a sociedade de sua época em todos os seus aspectos. Um panorama ambicioso a respeito dos jogos de poder, das intrigas aristocráticas e das contradições entre as vidas na capital e nas províncias.

Ao longo da primeira semana de fevereiro, o Cine Brasília segue com a animação infantil “Tarsilinha”, que, mais uma vez poderá ser visto nas sessões matutinas das 10h. Esta animação de Célia Catunda e Kiko Mistrorigo, homenageia uma das principais artistas brasileiras, Tarsila do Amaral. A sua mais conhecida obra, O Abaporu, foi estopim para o Manifesto Antropofágico (1928), de Oswald de Andrade, que defende a criação de uma arte verdadeiramente brasileira e o rompimento com padrões culturais estrangeiros.

Outro filme com classificação indicativa livre é Pinóquio, uma obra que pode ser apreciada por um público adulto e infanto-juvenil. O filme, nunca é demais ressaltar, é um dos concorrentes ao Oscar, além de chegar aclamado em diversos festivais internacionais por sua qualidade, além de contar com a assinatura de Guilhermo Del Toro e Mark Gustafson na direção. A grade do tradicional cinema contempla, ainda, alguns dos preferidos da mostra Vá e Veja – Retrospectiva 2022. Para quem não viu ou quer rever, há mais uma chance para Aftersun, Marte Um e Crimes do Futuro.

Chamamos atenção também para a sessão especial, em 6 de fevereiro, às 20h15, da produção brasiliense W3 Sul Hortas y Pomares, filme-dança, da coreógrafa Laura Virgínia. O longa procura restabelecer o conceito original da principal avenida da cidade e sua relação com a arte. No filme, a companhia Margaridas convida nomes de destaque da dança brasiliense, como Giselle Rodrigues, Eliana Carneiro, Juliana Castro, Rosa Coimbra, além da participação especial de Yara deCunto.

Os ingressos para as sessões podem ser comprados através do site ingresso.com e também nas bilheterias do Cine Brasília. A casa do cinema brasileiro possui uma nova gestão compartilhada entre a OSC Box Cultural e a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal. Sob a direção geral de Sara Rocha e a curadoria de Sérgio Moriconi, o espaço cultural celebra o início de um novo ciclo.

Card colorido com foto de mulher branca de cabelos loiros lisos e presos em um coque baixo. Veste roupa de balé com collant, saia de tutu, meia calça e coroa brancas e sapatilha rosa. Está em pose de balé nas pontas dos pés em cima de prédio.Texto: Sessão especial, W 3 Sul hortas y pomares, de Laura Virgínia. 6 de fevereiro às 20 horas e 15 minutos. Classificação indicativa livre.

Precisa de ajuda?